>Rebolaria venceu 7.º Torneio de Futsal Município da Batalha

>Realizou-se entre 14 de Junho e 10 de Julho o 7.º Torneio de Futsal Município da Batalha. Este ano, a organização pertenceu ao CR Rebolaria e teve a participação de 16 colectividades, divididas em dois grupos de oito. Também esteve representado o CR Golpilheira, com uma equipa bastante jovem, que não conseguiu passar à segunda fase.
A final, disputada entre a equipa da casa e a AR Amarense, foi sem dúvida uma das melhores desde a existência do torneio, com muita emoção à mistura. Foi uma final entre a juventude do Amarense e a maior experiência da Rebolaria. Entrou melhor a equipa da casa e logo no início adiantou-se no marcador, por duas vezes, mas o Amarense respondeu e depressa empatou, acabando a primeira parte empatada a três golos e com o equilíbrio como nota dominante. Na segunda parte, houve uma pequena superioridade, principalmente em termos físicos, para o lado do Amarense, que por duas vezes esteve em vantagem, por 4-3 e 5-4. Mas permitiu o empate a terminar o jogo, obrigando ao prolongamento.

Nesta fase complementar, as equipas estavam já um pouco carregadas de faltas, o que significava maior risco para ambos os lados. Na equipa da Rebolaria, a falta de frescura física era notória, o que podia dar alguma vantagem ao adversário. Terminada a primeira parte do prolongamento, o empate a cinco golos permanecia e foi já na parte final da segunda parte que a emoção ficou ao rubro, pois ambas as equipas atingiram a quinta falta e o Amarense acabou por conseguir o 6.º golo em cima da hora, parecendo estar prestes a levar o troféu para a colectividade do Casal do Marra. Mas eis que a menor maturidade da sua juventude levou à sexta falta, que viria a permitir à Rebolaria empatar de novo, na conversão de um livre de 10 metros.

Vieram então as grandes penalidades e a Rebolaria permitiu a defesa das duas primeiras ao guarda-redes do Amarense, que também falhou a primeira e a quinta, o que deu novo empate a nove golos. Na segunda série, a Rebolaria marcou o primeiro e o Amarense falhou, com o resultado final a fixar-se em 10-9 para a Rebolaria, dando-lhe assim a quarta vitória neste torneio (2004, 2005, 2009 e 2010).

De salientar o excelente desportivismo demonstrado antes, durante e depois por parte das duas colectividades que disputaram esta excelente final.

Pedro Coelho

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.