>Diocese celebra Pentecostes

>Diocese celebra Pentecostes

>Vigília na diversidade de dons e vocações
A diocese de Leiria-Fátima vai celebrar a vigília de Pentecostes com uma acção litúrgica presidida pelo Bispo diocesano, D. António Marto, na Sé de Leiria, às 21h00, no dia 26 de Maio. É já o terceiro ano consecutivo que celebramos juntos em clima diocesano, com significativa participação dos movimentos, associações e obras. A celebração destina-se a todos os fiéis que nela queiram participar, especialmente, os mais comprometidos na vida das comunidades cristãs e noutros âmbitos da vida da Igreja.
O tema da celebração será “A beleza de Cristo nos variados dons e vocações” e inspira-se na carta pastoral do nosso Bispo, publicada no início do ano pastoral. Incluirá momentos simbólicos, cânticos, escuta e meditação da palavra de Deus, contemplação da beleza de Cristo e da Igreja, na variedade de dons e vocações, e adoração ao Santíssimo Sacramento. Em tudo isto se procurará valorizar os diversos dons ou carismas do Espírito e experimentar que na sua diversidade constituímos todos uma mesma e única família de Deus e somos chamados a colaborar na missão comum que está confiada à Igreja para a salvação dos homens.
Esta iniciativa, na sequência dos anos anteriores, constitui um contributo para cumprimento do que prescreve o Projecto Pastoral Diocesano no sentido de “acolher e discernir os carismas, dons de Deus para bem da Igreja e do Mundo”. Segundo o Anuário de Diocese de Leiria-Fátima, existem nesta Igreja local mais de trinta associações, movimentos, obras eclesiais e novas comunidades. Uns centram-se no apostolado e na promoção da vida espiritual, outros envolvem determinados grupos de fiéis, como os sacerdotes e seus familiares, os enfermeiros e profissionais de saúde, e outros ainda orientam-se para a formação dos jovens, o serviço caritativo, a visita e apoio aos presos, etc. Cada um deles é expressão de um modo peculiar de o Espírito Santo se manifestar segundo a sua variada riqueza.
Há um ano, também na vigília de Pentecostes, por ocasião do encontro mundial de movimentos e novas comunidades, que teve lugar em Roma, o Papa Bento XVI afirmou que estas realidades eclesiais “mostram como é viva a acção do Espírito Santo no Povo de Deus” e disse que ” o Espírito santificador se serve delas para despertar a fé nos corações de numerosos cristãos e para fazer com que eles redescubram a vocação recebida mediante o Baptismo, ajudando-os a serem testemunhas de esperança, repletas daquele fogo de amor que é precisamente o dom do Espírito Santo.”
P. Jorge Guarda, Vigário Geral

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.