Assembleia geral do CRG reforça necessidade de um gerente

Assembleia geral do CRG reforça necessidade de um gerente



Dois membros da Mesa da Assembleia. Dois elementos da Direcção. Um membro do Conselho Fiscal. Um sócio. E o repórter. E com sete pessoas apenas se escreveu mais uma Assembleia (pouco) Geral do Centro Recreativo da Golpilheira.
Nesta sessão ordinária (quer dizer regular), foram apresentados, debatidos e aprovados os documentos relativos ao relatório e contas do exercício de 2011, bem como o parecer do Conselho Fiscal. (Ver páginas 18 e 19)
A propósito das contas da colectividade e do seu funcionamento, foi referido que há alguns sectores que precisavam de maior controlo e voltou a referir-se a necessidade de contratar um gestor para acompanhar o dia-a-dia da sua actividade, tanto a nível das secções comerciais, como na ajuda à acção cultural, desportiva e recreativa.
Apesar de ter ficado já decidido em anteriores assembleias que a direcção deveria avançar com essa contratação, não foi ainda pensada a sua concretização. Os presentes voltaram a manifestaram-se a favor dessa solução e foi pedido à direcção que tomasse medidas no sentido de encontrar a pessoa certa.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.