Festas de Nossa Senhora do Fetal

Festas de Nossa Senhora do Fetal

Os caracóis do Reguengo

Milhares de cascas de caracóis iluminam e acompanham as procissões em honra de Nossa Senhora do Fetal, uma tradição centenária que atrai milhares de pessoas e mobiliza toda a região.
Cumprindo-se a tradição, na sexta-feira dia 23 de Setembro, ocorreu a primeira procissão nocturna, com início na igreja matriz, através de um percurso de cerca de 800 metros, até ao Santuário de Nossa Senhora do Fetal, regressando à igreja matriz com a imagem no seu trono.
No próximo sábado, dia 1 de Outubro, volta a acontecer nova procissão, levando-se a imagem da Virgem de novo para o seu Santuário. A procissão ocorre cerca das 21h00 e será de novo abrilhantada com iluminações realizadas com inúmeras cascas de caracóis colocadas ao longo do percurso, produzindo um belo espectáculo visual, devido às imagens criadas pela imaginação das muitas pessoas que colaboram na realização do evento.
Esta era uma freguesia rural, em que a quase totalidade da sua população se dedicava à agricultura. O azeite, para além dos normais fins alimentares, era também utilizado nas candeias, como combustível para iluminação. Á semelhança das candeias, eram utilizadas como recipiente as cascas de caracóis, que com um pequeno pavio cumpriam o objectivo. É aí que tem origem esta tradição, que remonta aos séculos passados e tem sido alvo de grande empenho da população nos últimos anos.
Comemorando em 2012 os 500 anos da sua fundação, a freguesia do Reguengo do Fetal está rodeada de muita história e tradição. Para além do vasto património edificado e natural, a sua gente é muito apegada às tradições, sendo também um local onde se pode encontrar hospitalidade, tranquilidade, cultura e muita beleza.
Esta é uma ocasião propícia a uma visita.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.