>Craveiro

>Craveiro

>Esta planta ornamental é considerada como sendo o “ouro do jardim”, com as suas manchas da cor do sol.
As espécies mais frequentes de craveiros são: o Craveiro-de-Tunes (Tagetes patula) e o Craveiro-de-Defunto (T. erecta). A primeira produz flores mais pequenas, ao passo que a segunda espécie produz flores maiores.

O melhor lugar para a plantação do craveiro
O craveiro dá-se bastante melhor num ambiente de grande exposição solar, onde não falte água. Nestas condições, ele desenvolve-se em qualquer lugar, ao ar livre, na terra ou em vaso, ou mesmo dentro de casa.
Há um grande número de variedades, nomeadamente anãs, e de várias cores, sendo as mais utilizadas a de cor vermelho-dourada (Little Devil Fire) e a amarelo-dourada (Queen Sophia). A variedade mais alta é a Gold Giant, que pode estar no centro do canteiro rodeada pelas outras variedades anãs. Consegue-se assim, com estas misturas de variedades de craveiros de diferentes tamanhos, ou mesmo juntando outras plantas anuais, como as petúnias e as begónias, ter canteiros, floreiras ou mesmo vasos esplendorosos.

De estação a estação

Início Primavera – Sementes
É fácil fazer germinar os craveiros a partir de sementes. Podemos poupar na semente, secando os craveiros ao sol e, no fim de bem secas, esfarelando as flores, de modo a recuperar as sementes, conservando-as em seguida num envelope de cartão.
Para a sementeira, devemos dispor vasos individuais, desde que os vasos estejam em lugares com uma boa exposição solar. A semente deve ser semeada num bom substrato.
Final da Primavera – Plantação e Fertilização
Não havendo perigo de geadas, podemos transplantar os craveiros no jardim, em floreias e em vasos, sempre com a preocupação de uma boa exposição solar. Eles adoram sol. Deve fertilizar/adubar o solo com Boskot Canteiros e Floreiras, um adubo que contêm 40% de adubo de libertação controlada, com 16% de Azoto (N), 9% Fósforo (P) e 17 % de potássio (K), para que obtenha flores mais vigorosas e em abundância
Verão – Corte e Fertilização
Deve arrancar as hastes com flores murchas e adubar com o fertilizante na água da rega com Boskflorido Universal, com 8% de azoto, 4% de fósforo e 4% de potássio. Adubar de 2 em 2 semanas.
Outono – Protecção
Proteja-os das primeiras chuvas e frios do Outono. Se assim fizer, os craveiros darão flores durante todo o Outono. Podem-se cobrir com uma tela de plástico transparente.
Embora de uma forma geral os craveiros sejam resistentes às doenças e pragas, não deve descurar a utilização de fungicidas, nas zonas de humidade e altas temperaturas, para combater as ferrugens e acaricidas e os ácaros nos dias de altas temperaturas. Deve consultar uma casa da especialidade, devidamente autorizada para o efeito.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.