>DREC encerra três “primárias” do concelho

>DREC encerra três “primárias” do concelho

>

Câmara contra fecho de escolas

Em ofício dirigido à Direcção Regional de Educação do Centro (DREC), o presidente da Câmara da Batalha, António Lucas, manifesta-se contra o encerramento das duas escolas básicas que o Ministério da Educação pretende encerrar no concelho, no próximo ano lectivo, designadamente, Alcanadas e Garruchas.
“Ficou acordado o encerramento da escola do Casal do Relvas, mas foi perfeitamente esclarecido que discordávamos frontalmente de qualquer outro encerramento, em virtude de não se encontrarem minimamente salvaguardadas as condições pedagógicas, técnicas e humanas para o encerramento de qualquer outra escola”, lembra António Lucas. O principal motivo apontado é a falta de preparação das escolas de acolhimento para receberem os alunos dos estabelecimentos a encerrar, conforme atesta a Carta Educativa da Batalha, documento aprovado pelos órgãos municipais e homologado pelo secretário de Estado da Educação.
Face à posição agora assumida pela DREC, António Lucas adianta que o Município da Batalha “não tem condições para fornecer refeições, nem para assegurar transporte a estes alunos”, e que “a solução para ultrapassar estas dificuldades passa pela construção do Centro Educativo, já com parecer favorável do Ministério da Educação”, estando o seu financiamento dependente de fundos do Governo ou comunitários.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.