171 – Livros

171 – Livros

O Portal de Santa Maria da Vitória da Batalha e a arte europeia do seu tempo
Jean-Marie Guillouët
Textiverso
Esta é mais uma obra de vulto sobre o Mosteiro de Santa Maria da Vitória, que qualquer batalhense deverá ter na sua biblioteca. Partindo da “leitura” do pórtico principal do monumento, o historiador francês Jean-Marie Guillouët traça as diversas ligações possíveis desta obra com a arte europeia da época (da Catalunha a Burgos, Nápoles ou Normandia), para explicar o aparecimento em Portugal desta inovação arquitectónica e estilística. Peça a peça, a estatuária ali presente é-nos apresentada ao mais ínfimo pormenor, naquele que será até ao momento o mais profundo e detalhado estudo sobre este portal da autoria de Mestre Huguet. Profusamente ilustrada e em edição bilingue, em português e francês, a obra contou com a colaboração do historiador Saul Gomes, um dos mais reputados especialistas na história da Batalha e do seu património.

Uma vida de militância cívica e cultural
José Batista de Matos
Município da Batalha
Num relato na primeira pessoa, Batista de Matos apresenta neste livro, mais do que uma autobiografia, o relato de um tempo que, atravessando várias décadas, podemos reconhecer como património comum das gentes do nosso concelho. Nascido nas Alcanadas, muitos anos emigrante em França, mas nunca desligado da sua terra natal, o autor conquistou a pulso o percurso de uma vida marcada pelo trabalho, pela aventura, pela dedicação à cultura e à sociedade que o rodeava. Lá e cá, angariou também o reconhecimento público pela qualidade da sua militância cívica e cultural, inclusivamente com algumas homenagens e medalhas de mérito. Pela leitura desta obra ficamos a conhecê-lo melhor. E também a conhecer-nos melhor.

PUB

Loanda – Escravas, donas e Senhoras
Isabel Valadão
Bertrand Editora
No século XVII, duas mulheres deixaram o seu rasto na história da cidade de Luanda. À sua volta teria gravitado um sem número de indivíduos, fidalgos, traficantes, degredados, escravos e libertos. Uns, foram personagens marcantes do seu tempo, outros, simplesmente anónimos no papel de figurantes, todos eles se fazendo parte de um específico contexto historiográfico da colónia angolana. Através do retrato de Maria Ortega e Anna de São Miguel, a autora leva-nos até Luanda do século XVII, de encontro ao percurso, queda e ascensão dos escravos e exilados do reino português. Cruzando a História com um ritmo narrativo forte e surpreendente, Loanda é ainda marcada pelo tom biográfico de personagens que deixaram a sua marca naquele território.

Viva o Que Tem de Bom Agora
Louise L. Hay
Pergaminho
O poder transformador das afirmações positivas foi já comprovado por milhões de pessoas em todo o mundo. Neste livro encantador e acessível, Louise Hay ensina-nos a usar esta ferramenta de transformação para mudar a nossa vida – agora mesmo! Analisando temas e preocupações específicas que nos afectam a todos (tais como saúde, emoções negativas, dependências, prosperidade, amor e intimidade, entre outros), a autora oferece ainda exercícios e meditações que lhe permitirão melhorar todos os aspectos da sua vida. E, em tempos de crise, nunca é demais ler livros que nos ajudam a superar problemas, a reagir às adversidades, a olhar com esperança o céu cinzento, na certeza de que o sol poderá brilhar a qualquer instante. Um instante que poderá ser já.

Três Segundos
Anders Roslund e Börge Hellström
Planeta
Acaba de chegar a Portugal o romance vencedor do prestigiado Prémio de Melhor Policial Sueco 2009 e do CWA International Dagger 2011, um galardão literário que distingue escritores de romance policial, suspense, ficção ou de espionagem. Piet Hoffman, um ex-criminoso, é o melhor informador da polícia sueca, mas só um homem sabe da sua existência. Após um caso de droga que corre mal, o antigo criminoso tem de enfrentar a missão mais difícil da sua vida: infiltrar-se na mais terrível prisão de alta segurança da Suécia. Escrito por um jornalista e um ex-criminoso, Três Segundos é uma história de conspiração, moralmente complexa e com uma dose de suspense tão no ponto que mesmo na última página consegue ser surpreendido.

A História do Mundo em 50 Frases
Helge Hesse
Casa das Letras
Esta é uma viagem à história da humanidade, desde o nosso passado mais remoto ao presente, através de cinquenta frases célebres distribuídas ao longo de dois mil e seiscentos anos. Uma viagem que nos levas aos momentos-chave dessa História e retrata, de um modo vivido, as diversas épocas, desde a Antiguidade aos nossos dias. Helge Hesse ilumina o Império romano com os dados que César lançou, a política do Renascimento com a aposta de Maquiavel num fim sem olhar a meios, ou na Guerra Fria com o discurso berlinense de Kennedy. Cada um destes aforismos representa uma época da História Universal que o leitor pode visitar em cinquenta instrutivos capítulos.

11/17 – Colecção de Livros de Bolso da Bertrand
O Grande Gatsby
F. Scot Fitzgerald
O Vale dos Cinco Leões
Ken Follett
Três Metros do Céu
Federico Moccia
O Grande Gatsby, de F. Scot Fitzgerald, O Vale dos Cinco Leões, de Ken Follett e Três Metros do Céu, de Federico Moccia são as três novidades da colecção 11/17 agora apresentadas. A juntar a estes títulos, fazem ainda parte Eurico, o Presbítero, de Alexandre Herculano, A Pecadora, de Tessa Gerritsen, Jogos de Sedução, de Danielle Steel. Lançada em Agosto de 2008, a colecção de livros de Bolso da Bertrand Editora conta já com mais de 125 títulos disponíveis. Sonetos, de Florbela Espanca, A Marca do Assassino, de Daniel Silva, O Mistério da Estrada de Sintra, de Eça de Queiroz e Ramalho Ortigão e Da Terra à Lua, de Júlio Verne, foram os últimos a chegar às livrarias. Dos clássicos aos grandes nomes da literatura, como Dan Brown, Bill Bryson, Daniel Silva, Nora Roberts e Danielle Steel, Paulo Coelho, Mark Twain, entre outros, a 11/17 apresenta uma oferta diversificada de autores e géneros literários. A facilidade de transportar e o preço reduzido, as grandes mais-valias do livro de bolso, fazem deste um formato vencedor, principalmente em momentos de crise como estes que estamos a viver agora. Consequência ou não, segundo os editores, “a verdade é que o livro de bolso tem conquistado cada vez mais leitores em Portugal”.

Conspiração 365 – Agosto
Gabrielle Lord
Contraponto
Callum Ormond já só tem 153 dias. A contagem decrescente continua… Enterrado vivo num caixão, as hipóteses de sobrevivência de Cal estão a esgotar-se tal como o ar que respira. Graças ao ataque inesperado, ele perdeu a Jóia e o Enigma, e agora a sua vida está presa por um fio… sete palmos abaixo da terra. Boges e Winter tentam desesperadamente encontrá-lo antes que seja tarde demais. Entretanto, Gabbi – a irmã de Cal em estado de coma – foi raptada, e ele é o principal suspeito! Vai ser preciso tomar medidas drásticas e perigosas para a salvar desta vez. O relógio não pára. Cada segundo pode ser o último nesta aventura de cortar a respiração!

Conspiração 365 – Setembro
Gabrielle Lord
Contraponto
Callum já só tem 122 dias. Convencido de que Oriana esteve por trás do rapto da sua irmã, Cal junta-se a Boges para arquitectarem um plano a fim de conseguirem obter as informações de que tanto precisam. Para isso, introduzem um aparelho de escuta na casa de Oriana, disparando-o através da janela. Será que espiar esta mulher irá revelar a localização da Jóia e do Enigma ou, em contrapartida, colocar Cal na linha de fogo? Com os seus inimigos a aumentarem à velocidade que diminuem os seus dias, Cal arrisca quase tudo para permanecer vivo e recuperar a sua antiga vida. A aventura continua… de cortar a respiração!

Agenda – Momentos 2012
Paulo Coelho
ArtePlural Edições
Esta é uma agenda original para 2012, que encherá cada um dos seus dias de alegria, com exuberantes ilustrações de Catalina Estrada e uma selecção de frases do autor de maior sucesso dos nossos tempos, Paulo Coelho. Considerado por milhões como “o alquimista das palavras”, os seus livros não só ocupam o topo das listas de best-sellers, como suscitam debates sociais e culturais. As ideias, a filosofia e os temas que aqui são citadas a cada página tocam as aspirações de inúmeros leitores em busca do seu próprio caminho e de novas formas de entender o mundo. Assim, em cada dia, terá oportunidade de ler uma frase que, quem sabe, poderá mudar a forma como a própria agenda será preenchida.

Frankenstein – a cidade das trevas
Dean Koontz
Contraponto
Com mais de oito milhões de exemplares vendidos em mais de 20 idiomas, esta obra continua a saga de Frankenstein – O Filho Pródigo, na qual o demoníaco Victor Frankenstein tentar criar uma raça de serres perfeitos, e apenas Deucalião, o seu primeiro «monstro», parece ser capaz de lhe fazer frente. Neste novo volume, os espécimes da Nova Raça, as mais recentes criaturas de Victor Helios (antes Frankenstein), são na verdade assassinos perfeitos, e começam a espalhar um reino de terror pela cidade de Nova Orleães. À medida que Deucalião, com a ajuda de dois detectives, tenta impedi-los, vai descobrindo que estas criaturas podem ser assustadoramente semelhantes a seres humanos – sobretudo na sua tendência para a crueldade.

Mães & Malabaristas
Nora Rodriguez
Pergaminho
Este não é apenas mais um livro que descreve as dificuldades de ser mãe e trabalhadora no século XXI; não encontrará aqui uma compilação de queixas sobre noites mal dormidas, chefes pouco compreensivos, consultas-relâmpago ao pediatra, ou outros exemplos dos obstáculos que enfrentam todas essas mulheres. Aqui desmontam-se vários dos mitos sobre o papel social, laboral e familiar da mulher e apresentam-se estratégias simples para que a maternidade não implique a renúncia à ambição profissional ou um permanente sentido de culpa. Encontrará conselhos que a ajudam ser mais proactiva, usar o «não» sem receio de ser julgada, e conhecer melhor todas as competências e capacidades que tem à sua disposição – incluindo conseguir uma maior participação masculina em casa e no trabalho.


Peter Pan Pode Crescer
Antoni Bolinches 
Pergaminho
Peter Pan é uma personagem de ficção, um menino encantador, cheio de espontaneidade e sentido de aventura, que nunca cresceu e… pode servir de imagem para muitos homens de hoje. Homens que se recusam a aceitar a maturidade, que têm uma grande dificuldade em ter relacionamentos estáveis (tanto amizades como relações amorosas), que vivem de aventura em aventura, incapazes de tomar decisões responsáveis, de encarar problemas e até de aceitar desafios. São, a nível emocional, crianças – que desejam ser eternamente «meninos». Este livro é um desafio aos homens do século XXI a construirem um novo modelo de relações interpessoais sem se refugiarem na «Terra do Nunca» de uma adolescência interminável. Um livro sobre homens que deve ser lido por todas as mulheres.

Projeto Oprah
Robyn Okrant
Pergaminho
Oprah Winfrey é provavelmente a mulher mais rica, mais influente e mais conhecida do mundo. Os seus conselhos, sugestões e recomendações são seguidos tão lealmente pelo seu público que quase se impõe perguntar: será possível seguir à letra tudo o que é uma «sugestão de Oprah»? Foi esta questão que ocorreu a Robyn Okrant, que passou todo o ano 2008 a uma experiência invulgar: seguir o mais fielmente possível todos os conselhos oferecidos pela rainha dos talk shows. A transformação da sua vida – indumentária, alimentação, gestão financeira, decoração da casa e até a vida sentimental – revelou-se alguns resultados positivos, outros frustrantes, mas todos curiosos, provocantes e divertidos.

Treta Emocional
Carl Alasko
Pergaminho
A treta emocional é uma epidemia invisível que destrói as relações humanas de todos os géneros. Neste livro, o psicólogo clínico Carl Alasko revela como esta epidemia ameaça o bem-estar psicológico, destruindo a confiança entre as pessoas, atingindo a auto-estima e criando dissociações afectivas profundas. Até nas mais banais interacções quotidianas, a treta emocional faz sentir os seus efeitos tóxicos, mas poucos têm a capacidade de a reconhecer. Isto acontece porque ela tem por base três dinâmicas interligadas: a negação, a ilusão e a recriminação. Usamos a negação para suprimir uma verdade incómoda, a ilusão para criar uma realidade alternativa e, finalmente, a recriminação para atribuir a culpa a outrem. Assim começa um círculo vicioso, no qual enganamos todos à nossa volta, bem como a nós próprios.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.