>Carta ao director: Ruas da Freguesia

>Carta ao director: Ruas da Freguesia

>”Venho desta forma opinar sobre o seguinte: Será a Estrada do Vale a mais importante da Freguesia??? Não haverá estradas dentro da freguesia que mereçam também ser notícia??? Ou será que é preciso meter cunha, ser amigo, ser familiar ou ter interesse pessoal, para que haja notícia???
Do leitor atento, Joaquim Manuel Bento Monteiro
(Recebida por e-mail)

Esclarecimento do director:
Recebi com agrado o seu comentário, pois é sinal do interesse dos leitores no nosso trabalho e essa é a nossa motivação. Mas não entendi por completo o motivo do seu incómodo. Por isso, passo a responder abertamente às três questões que coloca.

1. Noticiámos a conclusão desta estrada, por ser a obra pública mais recente na freguesia, como temos feito em relação a todas as outras de que vamos tendo conhecimento. Se ler bem a notícia, não está lá escrito em lado nenhum que é a estrada mais importante da freguesia, pois essa afirmação não teria sentido. O que escrevemos é que é “mais uma” importante infra-estrutura viária para a freguesia. Acha que não é?

2. Penso que temos falado de todas as obras que por cá se fazem, algumas bem menos importantes, como um simples arranjo de valetas ou construção de um muro em espaço público. Quer exemplos? Só em relação às obras em estradas na freguesia ou próximas de nós, desde 2001 até hoje, folheando rapidamente as edições passadas, encontrei 43 notícias, algumas delas com destaque na 1ª página:
– Janeiro 2001: Semáforos apagados na estrada Pe. Joaquim Coelho Pereira.
– Janeiro 2001: Ponte de Casal de Mil Homens vai ser alargada
– Fevereiro 2001: Cheias alagaram estrada entre Bico Sachos e Hortas
– Fevereiro 2001: É preciso passeios nas estradas principais da Golpilheira
– Maio 2001: Arranjos em várias ruas da freguesia
– Julho 2001: Alargamento da estrada do Casal Benzedor e abertura da estrada da Mata (Hortas).
– Novembro 2001: Asfalto novo na estrada Bico Sachos – Casal do Alho
– Novembro 2001: Arranjo de valetas no Casal de Mil Homens
– Dezembro 2001: Conclusão de obras na estrada de Casal Benzedor
– Dezembro 2001: Continuação da estrada da Mata
– Dezembro 2001: Início de obras na Rua Adrião.
– Janeiro 2002: Sinalização, lombas e arranjo de valetas em todo o percurso das estradas mais importantes da freguesia: estrada Pe. Joaquim Coelho Pereira, continuada pela rua de Leiria.
– Abril 2002: Valetas na ligação Bico Sachos/Garruchas
– Setembro 2002: Estrada em Bico Sachos gera polémica (com destaque na 1ª página)
– Setembro 2002: Projecto aprovado para o caminho agrícola Vale do Lena
– Outubro 2002: Melhoramentos no largo Afonso Coelho Pereira
– Novembro 2002: Renovação do muro do Outeirinho
– Dezembro 2002: Adjudicação do caminho agrícola do Vale do Lena
– Janeiro 2003: Anúncio de obras na Ponte de Casa de Mil Homens
– Janeiro 2003: Início do caminho agrícola do Vale do Lena
– Janeiro 2003: Melhoramento da estrada do Campo das Barrocas
– Maio 2003: Arranjos decorrem no largo Afonso Pereira
– Maio 2003: Nova estrada nasce junto ao CRG
– Maio 2003: Alargamento da ponte de Casal Mil Homens continua à espera
– Outubro 2003: Nova iluminação pública nas estradas da Golpilheira
– Outubro 2003: Conclusão do caminho agrícola Vale do Lena
– Novembro 2003: Mais obras na estrada, em Golpilheira, Salgueiral e Casal de Mil Homens
– Janeiro 2004: Entrevista com o presidente da Câmara sobre todas as obras previstas para 2004 (com destaque na 1ª página): destaque para colocação de passeios na estrada principal, desde Bico Sachos até ao Vale Gracioso
– Janeiro 2004: Novo avanço na ponte de Casal de Mil Homens
– Fevereiro 2004: Substituição de paragens de autocarros na estrada da Golpilheira
– Março 2004: Sondagens na ponte de Casal de Mil Homens
– Abril 2004: Moradores de Casal de Mil Homens descontentes com passeios (com destaque na 1ª página)
– Julho 2004: Obras em várias estradas da freguesia e continuação dos passeios em Casal de Mil Homens
– Agosto 2004: Obras na “estrada da morte” – IC2 – na fronteira da freguesia
– Setembro 2004: Marcha-atrás na ponte de Casal de Mil Homens
– Maio 2005: Alargamento de via no Casal Benzedor
– Junho 2005: Finalmente, obras na ponte de Casal de Mil Homens (com destaque na 1ª página)
– Julho/Agosto 2005: Arrancou a segunda empreitada das obras na ponte de Casal de Mil Homens
– Julho/Agosto 2005: Arranjo do acesso ao “poço do povo” no Carvalhal
– Novembro 2005: Nota sobre consulta de impacto ambiental do IC9
– Janeiro 2006: Convite à população para debate sobre IC9
– Junho 2006: Batalha contesta traçado do IC9
– Fevereiro 2007: Estrada do Vale quase pronta.
Pelo elenco apresentado, penso ter ficado evidente que temos por hábito noticiar estas obras, algumas delas várias vezes. Não vejo qualquer razão inteligente (outras imagino que haja, mas nem comento) para não termos falado nesta estrada, construída numa zona urbana, no centro da freguesia e de uso frequente no acesso à Cividade e, em especial, à escola primária do Paço, como se verificava desde que foi aberta, e mais agora que já está concluída.

3. Devo dizer que para haver notícia não é preciso cunha nenhuma, como nunca foi, nem há-de ser. Basta que, sobre qualquer assunto de interesse público, chegue até nós a informação do mesmo. Podemos não ter conhecimento de tudo o que se passa, pois, como sabe, o Jornal da Golpilheira é feito com a boa vontade e nos tempos livres do director e demais colaboradores. Mas, se nos informarem, com certeza que falamos de qualquer assunto. Portanto, caso tenha alguma outra estrada que ache importante divulgar e sobre a qual não tenhamos falado, agradecemos que nos envie essa informação.
Aliás, lembro que é constante o nosso apelo no jornal: “Mande-nos o seu texto, a sua opinião, a sua notícia, as suas fotos, etc.”. Até pedimos que nos mandem as fotos e as notícias dos baptizados, dos casamentos, das bodas de prata ou ouro, dos aniversários, do que os leitores quiserem, pois fazemos todo o gosto em publicar as coisas que dizem respeito à nossa terra e aos nossos leitores!
Espero ter esclarecido a sua dúvida. Tomámos a liberdade de publicar o seu comentário e esta resposta, como prova da nossa total abertura às críticas dos leitores.

Cumprimentos,
O director

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.