>Câmara defende emigrantes contra fecho de consulados

>Câmara defende emigrantes contra fecho de consulados

>A autarquia da Batalha enviou ao ministro dos Negócios Estrangeiros uma comunicação com o pedido de que “reconsidere a sua posição face ao encerramento dos postos consulares e, dentro destes, especialmente aqueles que servem maior número de emigrantes”. Segundo o presidente, António Lucas, haverá “fortes inconvenientes e prejuízos” com o encerramento dos postos consulares em diversas cidades europeias, em países como a França, a Alemanha e o Luxemburgo. A concretizar-se esta medida, o respectivo corte de custos será de “uma completa desproporcionalidade face aos prejuízos reais que significarão para a comunidade emigrante portuguesa e batalhense”.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.