>“Mestre d’Avis” com mais atletas

>“Mestre d’Avis” com mais atletas

>Na manhã do domingo dia 15 de Agosto, o Município da Batalha, com o apoio da Associação Distrital de Atletismo de Leiria (ADAL), voltou a organizar o tradicional Grande Prémio Mestre D’Aviz, desta vez sem provas jovens e mantendo o tradicional percurso desde o local histórico da batalha de Aljubarrota, em S. Jorge, até ao Mosteiro da Batalha.

O homem mais rápido nesta edição foi Artur Rodrigues, do Núcleo de Atletismo de Cucujães, que completou os cerca de 6.600 metros do percurso em 19.02 minutos. A mais rápida das mulheres foi Ana Matias, que representa o Atlético Clube de Vermoil, tendo terminado em 25.47 minutos.

Terminaram a presente edição 199 atletas, tendo sido apenas 164 no ano passado, um aumento interessante e que deverá voltar a verificar-se na próxima edição, onde se espera também o regresso das competições jovens.

Em juvenis masculinos, venceu Simão Marto, do União de Tomar. Nos juniores, os mais rápidos foram Ana Matias, do AC Vermoil, e Pedro Santos, da Juventude Vidigalense. Em seniores, Carina Matias (Barreira) e Artur Rodrigues (Cucujães) saíram vitoriosos.

Nos escalões de veteranos, a participação é sempre grande. Em femininos, foi Ana Vieira (Alvitejo) a melhor. Em veteranos M40 (40-44 anos), venceu Carlos Alves, do Boavista da Ilha do Pico (Açores), sendo ainda o 2.º da classificação geral. Em veteranos M45 (45-49) saiu vitorioso Luís Sousa, do AC Vermoil, e António Poeiras, do ACR Soutos, ganhou em veteranos M50 (50-54). Os atletas do Clube Veteranos do Lis, José Mário e José Gabriel foram os melhores em veteranos M55 (55-59) e M60 (60 ou mais).

Protocolo desportivo

No final das competições, durante a entrega dos troféus aos melhores de cada escalão, foi assinado um protocolo entre a ADAL e o Município da Batalha, tendo como objectivos a promoção e o desenvolvimento do atletismo neste concelho, procurando levar a modalidade a mais clubes e, consequentemente, aumentar o número de praticantes, em especial jovens. O apoio a actividades atléticas para jovens, incluindo o Grande Prémio Mestre D’Aviz, fazem parte deste protocolo.

A ADAL e o Município da Batalha foram representados pelos seus presidentes, Aníbal Carvalho e António Lucas, respectivamente, que referiram a importância da assinatura deste documento com vista a que o atletismo batalhense possa vir a ser ainda melhor e praticado por mais cidadãos deste concelho do distrito de Leiria, que é uma referência no atletismo nacional.

Carlos Carmino, DTR da ADAL

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.