Golpilheira com participação exemplar dá vitória ao BTMI em todas as frentes

Golpilheira com participação exemplar dá vitória ao BTMI em todas as frentes

Na freguesia da Golpilheira, a taxa de votação foi das mais altas de sempre, com 943 dos 1.319 eleitores a virem às urnas (71.49%). Basta lembrar que nas autárquicas de 2017 votaram 881 de 1.335 eleitores (65,99%) e nas de 2013 votaram 862 de 1.350 eleitores (63,85%).

São valores de participação que nos orgulham, superiores aos das outras 3 freguesias do concelho (61,49% na Batalha, 62,53% na Batalha e 61,59% em São Mamede), bem acima da média concelhia (62,60%) e mais ainda à media distrital (cerca de 53,45%) e à média nacional (a rondar os 54%).

Quanto à distribuição de votos, a Golpilheira ofereceu a vitória ao “Batalha é de Todos” – Movimento Independente (BTMI) nos três boletins: Câmara, Assembleia Municipal e Assembleia de Freguesia.

A mais expressiva delas foi a votação para a Câmara Municipal, com 506 eleitores (53,66%) a votarem BTMI e 292 (30,97%) a votarem PSD. O CDS foi terceiro com 47 votos (4,98%), seguindo-se o Chega com 34 votos (3,61%), a Iniciativa Liberal com 22 votos (2,33%)  e o PCP-PEV com 5 votos (0,53%).

Para a Assembleia Municipal, a Golpilheira deu 490 votos (51,96%) ao BTMI, 297 votos (31,50%) ao PSD, 49 votos (5,20%) ao CDS, 36 votos (3,82%) ao Chega, 25 votos (2,65%) à Iniciativa Liberal e 9 votos (0,95%) ao PCP-PEV.

Por fim, como já anunciámos, a Assembleia de Freguesia da Golpilheira ficou com 473 votos (50,16%) para o BTMI, 366 votos (38,81%) para o PSD e 71 votos (7,53%) para o CDS.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.