(Per)Curso para casais que querem fortalecer a relação

(Per)Curso para casais que querem fortalecer a relação

A Diocese de Leiria-Fátima vai promover o 12.º (per)curso para casais, intitulado “Percurso Ela&Ele/The Marriage Course”, um conjunto de 7 sessões “românticas” destinadas a ajudar aqueles que desejem investir na sua relação e torná-la mais forte, com toda a privacidade.

A iniciar já no próximo dia 21 de Janeiro, esta iniciativa tem os conteúdos e a estrutura do secretariado do (Per)Curso ALPHA. “Pretende ajudar os casais a consolidar a sua relação, proporcionando um tempo exclusivo a dois, incentivando à reflexão e oferecendo meios para construir um casamento sólido e duradouro”, refere a organização. Assim, destina-se “a qualquer casal que deseje trabalhar a sua relação investindo nela, que pretenda reforçar o seu casamento ou que queira encontrar meios concretos para ultrapassar as dificuldades do mesmo, sejam noivos, casados ou em coabitação, sejam ou não praticantes”.

Cada sessão começa por um chá ou café a dois, um tempo à luz das velas que permite relaxar e passar tempo em casal. Depois, apresenta-se uma palestra e vídeo relativo ao tema da sessão em causa, intervalado por exercícios em casal, acompanhados por algo doce. No final, são propostos exercícios em casal para casa.

O programa decorrerá no Salão Paroquial da Igreja da Cruz da Areia, a começar às 21h00, com as seguintes datas e temas:

  • 21/01 – Estabelecer bases sólidas
  • 28/01 – A arte da comunicação
  • 11/02 – A resolução de conflitos
  • 25/02 – O poder do perdão
  • 04/03 – O Impacto da família – Passado/presente
  • 18/03 – A sexualidade
  • 01/04 – Amor em acção

Cada sessão tem o custo de 10 euros por casal e poderá oferecer um espaço de actividades para os filhos até aos 12 anos. As inscrições são limitadas à dimensão do espaço, podendo fazer-se online.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.