>Ficámos a um golo da final

>Ficámos a um golo da final

>Meias-finais da Taça Nacional de Futsal Sénior Feminino

Golpilheira – 1
Gondomar – 2
O primeiro jogo das meias-finais da Taça Nacional de Futsal Sénior Feminino foi disputado no pavilhão da Batalha, no dia 25 de Abril. Ultrapassada a primeira fase, coube-nos em sorte a Escola Secundária de Gondomar. Teoricamente, era uma equipa ao nosso alcance, mas o Futsal é um desporto bastante desgastante e se não houver um banco completo, mais difícil se torna. Penso que foi o que sucedeu neste jogo, com as jogadoras juniores a efectuarem 7 jogos num curto de espaço de tempo, sendo previsível algum cansaço para esta partida.
O jogo começou com estudo mútuo. Fomos conseguindo levar a água ao nosso moinho e Irina, com um belo remate, fez o 1-0, resultado com o qual fomos para o intervalo. Na segunda parte, tivemos dois momentos de deslize que ditaram a nossa derrota, em pouco mais de dois minutos. Tentamos tudo por tudo para chegar ao empate, mas infelizmente não o conseguimos.

Gondomar – 3
Golpilheira – 3
A segunda mão jogou-se no pavilhão de Rito Tinto, no dia 1 de Junho. Por razões alheias à minha vontade, não pude deslocar-me a este jogo, mas pelos ecos que recebemos, fiquei com a sensação de que com um pouco de sorte tínhamos ganho o jogo. Fomos a primeira equipa a marcar, pairando aqui o sonho da classificação. Mas a equipa da casa não estava pelos ajustes e conseguiu dar a volta ao resultado, colocando-o em 3-1 a seu favor. Não desistiram as nossas “Golpilhas” e ainda conseguiram chegar ao empate, mas não chegou para evitar o abandono da prova.
Foi por muito pouco, pois mais um golo daria o acesso à final da taça, repetindo o feito da época passada. Mas por tudo o que realizaram, classificando-se como terceira melhor equipa de futsal do seu escalão, a nível nacional, só nos resta dar-lhes os merecidos parabéns e incentivá-las a continuar para a próxima época. Como algumas das titulares provêm do escalão júnior, é de espertar boas notícias no futuro para esta nossa equipa.
Entretanto, o Gondomar disputou a final com o Benfica, em duas mãos, saindo vencedoras as atletas encarnadas, por 12-4 no total dos dois jogo. Recorde-se que a Golpilheira tinha perdido a final no ano passado, também frente ao Benfica, por 5-2.
Manuel Carreira Rito

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.