Feira de Artesanato e Gastronomia da Batalha: 30 anos “a abraçar a tradição”

Feira de Artesanato e Gastronomia da Batalha: 30 anos “a abraçar a tradição”

Depois de dois anos de interregno graças à pandemia, a 30.ª edição da Feira de Artesanato e Gastronomia da Batalha (FIABA) terá lugar de 15 a 19 de Junho, no Parque de Eventos de Santa Maria da Vitória, na Vila da Batalha.

A presente edição vai contar com uma nova disposição dos diversos espaços que integram o certame, nomeadamente, a zona de restauração, que passa a ser totalmente coberta, novos espaços afectos ao artesanato e demais presenças institucionais. Participam ainda no evento 12 produtores concelhios que darão a conhecer o que de melhor a Batalha tem para oferecer em produtos como o mel, o azeite, os licores, o vinho e os enchidos.

No que se refere ao artesanato, mais de 60% dos participantes detêm carta de artesão ou encontram-se abrangidos pelo estatuto de UPA – Unidade Produtiva Artesanal.

Ao nível da gastronomia, a FIABA volta a contar com a participação das associações concelhias que apresentarão os sabores típicos deste território, a que se junta um programa de animação diversificado, que juntará artistas como Quim Barreiros, Elsa Gomes & Banda, Banda Kroll, Miguel Bravo, Catraia ou os AHKORDA, banda originária de São Mamede, Batalha.

Referência também para a realização, no sábado, 18 de Junho, do Encontro de Concertinas e Harmónios da Alta Estremadura, numa realização que resulta da parceria do Município com o Rancho Folclórico Rosas do Lena e que juntará mais de 60 tocadores no recinto.

O cartaz conta ainda com as participações dos agrupamentos folclóricos e de música tradicional concelhios, para além de performances artísticas pelos alunos do Agrupamento de Escolas da Batalha, da Escola B.ballet e da classe de Hip Hop do Centro Recreativo da Golpilheira.

Ainda no domínio da animação, as noites de 15, 17 e 18 contarão com DJ bem conhecidos do público, que actuarão na tenda electrónica.

Após 30 edições, a FIABA é hoje um dos eventos de referência na região centro, razão pela qual o presidente da Câmara da Batalha, Raul Castro, manifesta o seu contentamento pela longevidade do certame: “consegue juntar no mesmo espaço variadíssimos pontos relevantes, seja pela gastronomia das nossas associações, pelo artesanato de qualidade, a que não falta também a animação diversificada, bons motivos para que todos possam visitar a Batalha de 15 a 19 de Junho”.

Para esta edição simbólica, a organização adoptou o lema “30 anos de FIABA. Três décadas a abraçar a tradição”.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.