GNR) lança campanha contra a violência nas escolas

GNR) lança campanha contra a violência nas escolas

A Guarda Nacional Republicana (GNR) lançou uma campanha nacional de sensibilização com o mote #NãoSouUmAlvo, no passado dia 30 de Janeiro, Dia Internacional da Não Violência e da Paz nas Escolas. Uma imagem a circular em centenas de locais de norte a sul do País e um vídeo nas plataformas digitais (por exemplo, na página de Facebook da GNR) foram alguns dos meios escolhidos, contando com a parceria de cerca de 150 municípios.

Embora ainda não esteja tipificado na legislação penal como crime, “poderão estar em causa os crimes de ofensas à integridade física, injúrias, ameaça e coacção”, refere a GNR em comunicado, indicando que “nas escolas, a maioria destes actos ocorre fora da visão dos adultos e grande parte das vítimas não reage ou fala sobre a agressão sofrida, ocorrendo muitas vezes através dos meios digitais, mais concretamente, nas redes sociais”.

PUB

Em 2020, a GNR policiou cerca de 4.500 escolas com mais de 630 mil alunos e sinalizou mais de 5.600 crianças e jovens vítimas de 467 crimes em ambiente escolar. Para o evitar, aconselha “os pais a estarem atentos às alterações no humor dos filhos, abatimento físico e/ou psicológico, sinais de impaciência ou ansiedade, piores resultados e desinteresse na escola, queixas físicas permanentes (dor de cabeça, de estômago, perturbações no sono, nódoas negras), irritabilidade extrema, ou qualquer outra mudança de comportamento, pois podem traduzir sintomas de uma vítima de bullying”.

Partilhar/enviar/imprimir esta notícia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.